Setor calçadista começa com pé direito na Couromoda 2020

17/01/2020

A presença de vários lojistas do varejo nacional e também internacional, de países como Chile, Bolívia, Colômbia, Africa do Sul entre outros, confirmou o otimismo da feira.








Setor calçadista começa com pé direito na Couromoda 2020





COUROMODA 2020, feira de calçados e artigos de couro mais importante da América Latina, encerrou-se nesta quarta, 15 de janeiro, em clima de otimismo do setor calçadista.  2020 já começa com expectativas altamente positivas para o setor calçadista, com previsões da esperada retomada do consumo. 



Retomada esta, confirmada pela presença de muitos lojistas nos corredores movimentados, estandes cheios em sua maioria. Presença de vários lojistas do varejo nacional e também internacional, de países como Chile, Bolívia, Colômbia, Africa do Sul entre outros.



Para o presidente do Sindifranca, José Carlos Brigagão do Couto, a feira foi muito positiva. "Há tempos não víamos esse clima animador nos negócios do setor calçadista, que enfrentou dias difíceis nos 2 últimos anos. Ao que parece, isso ficou para trás e agora os empresários calçadistas já estão se programando para o aquecimento do mercado varejista" comentou.



A nova configuração da Couromoda de três dias, que fez sua estreia em 2020, agradou lojistas e fabricantes e intensificou as negociações durante o evento.



O Espaço Moda Franca foi destaque e recebeu, como sempre, muitos lojistas atrás de produtos bastante exclusivos e de alto padrão de qualidade, com a tradição e referência da Cidade do Calçado.



Abertura da Couromoda 2020



A cerimônia de abertura contou com a presença de várias autoridades, com destaque para os governadores Eduardo Leite do Rio Grande do Sul e João Doria de São Paulo.

José Carlos Brigagão do Couto, presidente do Sindifranca, em seu discurso enfatizou a grande parceria das entidades calçadistas do estado de SP e o Governo de SP, através do Projeto Polo de Desenvolvimento do Couro e Calçados do Estado de SP. Falou também que as alterações da alíquota do ICMS, que beneficiam a cadeia produtiva do calçado, incluindo o varejo calçadista, é o primeiro passo de uma série de ações para promover a recuperação das empresas e a retomada dos negócios. Mas segundo ele, "não existe almoço grátis, ainda teremos muito trabalho pela frente e contamos com a união dos empresários para alcançarmos os objetivos propostos com o Governo de SP" afirmou.



Ao final da cerimônia, Brigagão homenageou algumas pessoas que foram fundamentais para o sucesso do projeto, como a secretária de Desenvolvimento Econômico do Estado de SP, Patrícia Ellen, o secretário da Fazenda Henrique Meirelles, o presidente da INVESTSP, Wilson Mello e finalmente, o diretor da PG4 Ind de Calçados e presidente do Instituto Cidade do Calçado, Giuliano Gera, representado por seu sócio, Danilo Cintra.

Todos receberam o Título de Cidadão Calçadista, honra concedida a pessoas que contribuíram expressivamente para o engrandecimento do setor calçadista de Franca.

A entrega foi feita com as presenças ilustres do prefeito de Franca, Gilson de Souza, o Governador de SP, João Doria e o presidente do Grupo Couromoda, Francisco Santos.



Assessoria de Comunicação Sindifranca.