Couromada adia feira presencial para 1.º março de 2021

01/12/2020

A COUROMODA adiou sua edição presencial de 2021 - prevista para janeiro - para o mês de MARÇO, entre os dias 1º e 03. A medida chega em função das novas restrições impostas pelas esferas governamentais para frear o recrudescimento da pandemia da Covid-19 no Estado de São Paulo.








Couromada adia feira presencial para 1.º março de 2021





A Couromoda anunciou que, em função das novas restrições impostas pelas esferas governamentais para frear o recrudescimento da pandemia do Covid-19 no Estado de São Paulo, adiou sua edição presencial de 2021 – prevista para janeiro – para os dias 1º, 02 e 03 de março.



O adiamento visa preservar a segurança sanitária e também a assertividade dos negócios, uma vez que em janeiro a capital paulista ainda pode estar sob efeito de alguma medida restritiva.



“Com isso, a COUROMODA de março se tornará uma feira multiestação, com apresentação de coleções de inverno para pronta-entrega e já algumas novidades para a temporada primavera-verão”, detalha o presidente da Couromoda, Francisco Santos.



Segundo a organização da mostra, o evento contará com os principais players do complexo calçadista, todos focados em efetivar compras e mais tranquilos no que se refere aos protocolos sanitários.



O adiamento, ainda de acordo com a promotora do evento, permite uma melhor organização da presença de todos, além de colaborar com as autoridades para a prevenção da pandemia.



“Com o início da vacinação previsto para janeiro, São Paulo e o Brasil devem acelerar a volta à normalidade e a retomada da atividades econômicas. Este novo cenário, otimista e promissor, será o pano de fundo da Couromoda 2021 em março, a feira que será o marco para a retomada do crescimento do setor e da economia nacional”, conclui Francisco Santos.