Assintecal e Abicalçados promovem Rodada de Sustentabilidade para indústrias de calçados e fornecedores eco-responsáveis

09/09/2021

Evento será realizado no dia 19 de outubro, na Fenac, e contará com 50 empresas de materiais de todo o Brasil








Rodada de Negócios de Sustentabilidade integra empresas de calçados e fornecedores que produzem materiais eco-responsáveis  



Evento será realizado no dia 19 de outubro, na Fenac, e contará com 50 empresas de materiais de todo o Brasil



 As práticas de Environmental, Social and Governance (ESG) estão sendo propagadas em grande parte dos negócios na atualidade. Para a Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal), a sustentabilidade é um pilar que mobiliza o setor coureiro-calçadista desde a produção alinhada conceito, até a realização de capacitações e eventos relacionados ao tema. Neste sentido, a entidade promove juntamente com a Abicalçados (Associação Brasileira das Indústrias de Calçados), no dia 19 de outubro, mais uma edição do Rodada de Negócios de Sustentabilidade, evento que congrega mais de 50 empresas fornecedoras de materiais de todo o Brasil.



A iniciativa ocorre na Fenac, em Novo Hamburgo, com curadoria da consultora do Núcleo de Pesquisa e Design da Assintecal, Júlia Webber, especialista em sustentabilidade. Todos os materiais também estarão expostos no local do evento, após classificados. A partir desta avaliação, serão agendadas as rodadas de sustentabilidade, conciliando o perfil dos produtos ao interesse dos calçadistas. 



A rodada de negócios de sustentabilidade são realizadas pela Assintecal desde 2019. O objetivo é promover a integração das empresas de calçados com fornecedores que produzem materiais eco-responsáveis sustentáveis, orgânicos, reutilizáveis, reciclados, recicláveis, biodegradáveis a fim de estimular negócios conscientes na indústria. Na última edição, participaram empresas como Arezzo, Bibi, Beira Rio, Dakota, Grendene, Havaianas, Nike, Piccadilly, Usaflex e Vert Shoes. Para fazerem parte das rodadas, os expositores devem apresentar produtos que se enquadram dentro de critérios estabelecidos. Na ficha de inscrição, descrevem o material, como é o processo de produção, se têm parceria para coleta de materiais (logística reversa) e se os resíduos são reaproveitados de alguma maneira.



Na avaliação de Juliano Basei, supervisor de compras da Arezzo, empresa que já participou de edições anteriores, as rodadas de sustentabilidade são um momento propício para conhecer materiais, mas também expor necessidades e propor novos desafios. “Essa troca traz um enriquecimento para toda a cadeia. Esses encontros ajudam as empresas na criação de novos produtos e a melhorar seus processos e ações para uma produção mais responsável”, reforça. 



Para o vice-presidente de Sustentabilidade da Assintecal, Marco Antonio Schmitt, os produtos sustentáveis tornaram-se uma necessidade. Ele cita um estudo da Economist Intelligence Unit (EIU), que mostra que as buscas na internet por produtos  sustentáveis cresceram 71% nos últimos cinco anos. “A sustentabilidade é fundamental para alcançarmos novos mercados. As marcas já aderiram a essa pegada sustentável, o que vejo como uma oportunidade de melhoria nas vendas e nas exportações”, conclui. 



Capacitação



Nos meses de outubro e novembro, acontece o curso Sustentabilidade e Circularidade na Prática – Novas Práticas e Critérios para um Mercado em Transformação, com Flávia Vanelli, membro do Núcleo de Pesquisa e Design da Assintecal. O objetivo da capacitação é ensinar na prática como aplicar critérios claros da sustentabilidade no desenvolvimento de materiais e produtos para manter a relevância em meio a um mercado em constante transformação. O primeiro módulo será realizado no dia 26 de outubro e tratará de conceitos de sustentabilidade, circularidade, mudanças no padrão de produção, cultura do consumo x desenvolvimento sustentável, entre outros temas.



O segundo módulo, no dia 28 de outubro, mostrará como aplicar a sustentabilidade e a circularidade na moda e no design, com foco em materiais reciclados, renováveis e biomateriais, além de insights para inspirar o desenvolvimento de produtos, ou a escolha deles. No terceiro módulo, no dia 4 de novembro, os participantes aprenderão como aplicar a sustentabilidade e a circularidade na moda e no design, com foco em produtos e oportunidades de inovação. Também estão previstos benchmarks para estimular o desenvolvimento do produto com critérios sustentáveis, explorando também o potencial de serviço deles.



No último módulo, no dia 9 de novembro, os participantes vão saber como comunicar o valor agregado da sustentabilidade e da circularidade ao público da empresa, com insights para inspirar o marketing dos produtos e serviços. Cada módulo terá a duração de duas horas. Como bônus, cada participante terá direito a mentoria individual, de acordo com o foco da empresa. O curso inclui ainda conteúdo para download e bibliografia recomendada. Para mais informações e inscrições, entre em contato com a equipe da Assintecal pelo e-mail relacionamento@assintecal.org.br.



 



Para mais informações, entre em contato com Marketing da Assintecal:



(51) 3584-5200



marketing1@assintecal.org.br



www.assintecal.com.br